Artigo

Bolsonaro e Haddad na segunda volta das eleições no Brasil

103 Visualizações

Jair Bolsonaro (PSL) e Fernando Haddad (PT) irão defrontar-se na segunda volta das eleições presidenciais brasileiras no dia 28, tendo cada um obtido 46% e 29% dos votos, respetivamente.

Com 99% das secções de voto apuradas, Jair Bolsonaro conquistou o voto de cerca de 49 milhões de brasileiros, seguido por Haddad que chegou perto dos 30 milhões, segundo os dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que começaram a ser divulgados às 19 horas (23 em Portugal continental).

Ainda de acordo com os dados praticamente finais do TSE, em terceiro lugar ficou o candidato Ciro Gomes (PDT) com 12% dos votos válidos do eleitorado, o que correspondeu a cerca de 13 milhões de votos.

Como nenhum candidato atingiu na votação deste domingo a marca de 50% dos votos válidos, o próximo Presidente da República do Brasil será eleito na segunda volta, a decorrer dentro de três semanas, a 28 de outubro.

Os últimos números foram divulgados perto das 22.15 horas e confirmaram a disputa final entre Jair Bolsonaro, o candidato da extrema-direita brasileira, e Fernando Haddad, que substituiu Lula da Silva na liderança da candidatura do PT (esquerda).

As reações dos candidatos

Pelas 20.40 horas locais (00.40 horas em Portugal continental), o candidato Fernando Haddad reagiu aos resultados na sua página de Facebook. “Agora, o debate será em torno de dois projetos totalmente opostos: o projeto da esperança, da defesa dos seus direitos, da geração de empregos e da luta pela igualdade social; e o projeto que quer continuar o corte dos direitos sociais”, afirmou Haddad.

 

FONTE: JN

Deixe uma resposta