Artigo

“Comigo as coisas têm de andar na Linha”, diz comandante geral da PN

50 Visualizações

O comandante Geral da Polícia Nacional, Comissario Paulo de Almeida, informou esta terça-feira em Luanda que pelo menos 46 agentes encontram-se detidos por más práticas.

Falando no acto de punição de 16 agentes da corporação que dirige, Paulo de Almeida fez saber ainda que pelas mesmas práticas, comportamento que está na base do despedimento de outros 127 efectivos.

Paulo de Almeida acrescentou que a lista não está completa, deixando um aviso a “oficiais superiores” que actuam como “micheiros”.

“São 127 que já estão na lista para serem demitidos, 46 estão encarcerados”, disse o responsável, reiterando que os desvios de conduta serão exemplarmente punidos. “Comigo as coisas têm de andar na linha”, sublinhou Paulo de Almeida que deu voz às queixas que tem recebido pela população.

Dizer que Paulo de Almeida já tinha manifestado a sua preocupação com o número de polícias envolvidos em praticas indecorosas, garantindo que as mesmas seriam combatidas.

 

Fonte: AngoNotícias

Deixe uma resposta