Artigo

Ministério Público instaura processo contra Procuradora do Tribunal Provincial de Luanda

96 Visualizações

O Conselho Superior da Magistratura do Ministério Público deu ordem para a instauração de um processo disciplinar contra uma Procuradora colocada na 9ª Secção da Sala dos Crimes Comuns do Tribunal Provincial de Luanda, e ordenou a sua imediata suspensão de funções.Em causa está uma denúncia pública nas redes sociais “do eventual envolvimento” de uma magistrada “na usurpação de imóveis na Ilha de Luanda, configurando presumível envolvimento no cometimento de crimes de burla e abuso de poder”.

No documento assinado pelo Procurador Geral da República, João Maria Moreira de Sousa, a que o Novo Jornal teve acesso, pode ler-se que “face à gravidade do teor da aludida denúncia, o instrutor do processo a designar deverá propor a imediata suspensão preventiva do exercício de funções da magistrada visada”.

Em causa está uma denúncia pública nas redes sociais “do eventual envolvimento” de uma magistrada “na usurpação de imóveis na Ilha de Luanda, configurando presumível envolvimento no cometimento de crimes de burla e abuso de poder”.

No documento assinado pelo Procurador Geral da República, João Maria Moreira de Sousa, a que o Novo Jornal teve acesso, pode ler-se que “face à gravidade do teor da aludida denúncia, o instrutor do processo a designar deverá propor a imediata suspensão preventiva do exercício de funções da magistrada visada”.

Fonte: AngoNotícias

Deixe uma resposta