Artigo

Relatório da ONU sobre as alterações climáticas: A mudança em todos e em cada um

75 Visualizações

É preciso consumir menos carne, cultivar a terra com menos produtos químicos e proteger as nossas florestas, para tentar controlar o aquecimento global. É esta a mensagem do mais recente relatório da ONU sobre as alterações climáticas.

De acordo com os cientistas, o homem está presente em 75% da superfície do planeta e as formas de cultivo e a criação de gado contribui para o aumento da temperatura na Terra.

“Mudar o sistema alimentar e agrícola é fundamental. Neste sentido, a mudança da nossas dietas para menos carne e mais vegetais deve ser uma das principais recomendações, porque não só libertaria a terra necessária para alimentar as pessoas que é uma grande prioridade, mas também libertaria a terra necessária para a proteção florestal e dos ecossistemas”.

– REYES TIRADO 
    GREENPEACE

A proteção destas florestas não pode ser subestimada. Destruí-las para obter madeira, para fazer terrenos de pastagem, ou plantações para produzir óleo de palma contribiu significativamente para as alterações climáticas e representa 15-20% das emissões globais.

O relatório sublinha como o rendimento das colheitas vai diminuir nas zonas mais secas obrigando as pessoas a migrar; aumentando os preços dos alimentos e o risco de fome.

O relatório promove uma abordagem mais saudável dos alimentos, das pessoas e das florestas, para ajudar a reduzir as emissões de gases com efeitos de estufa e a evitar alterações climáticas descontroladas. Mas o futuro vai depender das escolhas dos governos, das empresas e de cada um.

Fonte: Euronews

Deixe uma resposta